Inspiração Diária com Deus de 15 de Agosto

PUBLICIDADE

O Messias será a paz – Inspiração Diária de 15 de Agosto

ORE CONOSCO 

Não cesso de dar graças a Deus por vós, lembrando-me de vós nas minhas orações: Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação. Efésios 1:16,17

LEITURA E INSPIRAÇÃO DE 15 DE AGOSTO

Nunca deixei de lembrá-lo em minhas orações e de agradecer a Deus por você, que o Deus de nosso senhor Jesus Cristo, o pai da glória, lhe dê um espírito de sabedoria e percepção do que é revelado, para levá-lo ao pleno conhecimento dele.

Que ele ilumine os olhos de sua mente para que você possa ver qual a esperança que o chamado dele tem para você, que ricas glórias ele prometeu que os santos herdarão e quão infinitamente grande é o poder que ele exerceu para nós crentes.

Isto você pode dizer pela força de seu poder em Cristo, quando ele o usou para ressuscitá-lo dos mortos e para fazê-lo sentar à sua direita, no céu, muito acima de toda soberania, autoridade, poder ou dominação, ou qualquer outro nome que possa ser nomeado não apenas nesta era, mas também na era futura.

Ele colocou todas as coisas sob seus pés e fez dele, como o governante de tudo, o chefe da Igreja; que é seu corpo, a plenitude daquele que preenche toda a criação. E estava morto, através dos crimes e dos pecados em que vivia quando seguia o caminho deste mundo, obedecendo ao governante que governa o ar, ao espírito que está atuando nos rebeldes.

Todos nós estivemos entre eles também no passado, vivendo vidas sensuais, governados inteiramente por nossos próprios desejos físicos e nossas próprias ideias; de modo que por natureza estávamos tão sob a raiva de Deus quanto o resto do mundo.

Mas Deus nos amou com tanto amor que foi generoso com sua misericórdia: quando estávamos mortos por nossos pecados, ele nos trouxe à vida com Cristo é pela graça que você foi salvo e nos ressuscitou com ele e nos deu um lugar com Ele no céu, em Cristo Jesus. Isto foi para mostrar a todos os tempos, através de sua bondade para conosco em Cristo Jesus, como ele é infinitamente rico em graça.

Porque é pela graça que você foi salvo, pela fé; não por nada próprio, mas por um dom de Deus; não por nada que você tenha feito, para que ninguém possa reivindicar o crédito. Somos a obra de arte de Deus, criada em Cristo Jesus para viver a boa vida, pois desde o início ele quis que a vivêssemos.

ORAÇÃO PELO DIA DE HOJE

Quão bela, quão bela a Virgem Maria, que deixou este mundo para estar com Cristo, vestida com o poder celeste, ela brilha como o sol entre os coros dos santos. Que os anjos se alegrem e os arcanjos exultem na Virgem Maria, vestida com o poder celestial, ela brilha como o sol entre os coros dos santos.

SEGUNDA LEITURA

Seu corpo é santo e glorioso

Em seus sermões e discursos no dia da festa da Assunção da Mãe de Deus, os pais santos e os grandes médicos da igreja falavam de algo que os fiéis já sabiam e aceitavam: tudo o que faziam era trazê-lo à tona, para explicar seu significado e substância em outros termos.

Acima de tudo, eles deixaram bem claro que esta festa comemorava não apenas o fato de que a bendita Virgem Maria não experimentava a decadência corporal, mas também seu triunfo sobre a morte e sua glória celestial, seguindo o exemplo de seu único Filho, Jesus Cristo.

Assim, São João Damasceno, que é o maior expoente desta tradição, compara a Assunção corporal da venerada Mãe de Deus com seus outros dons e privilégios: era justo que ela, que tinha mantido sua virgindade intacta através do processo de dar à luz, tivesse mantido seu corpo sem decadência através da morte.

Era certo que ela que havia dado a seu Criador, quando criança, um lugar ao seu peito, deveria ter um lugar na morada de seu Deus, era justo que a noiva abraçada pelo Pai habitasse na câmara nupcial celestial. Era justo que ela que havia contemplado seu Filho na cruz, seu coração trespassado naquele momento pela espada de dor que ela havia escapado ao seu nascimento, agora deveria contemplá-lo sentado com seu Pai.

Era certo que a Mãe de Deus deveria possuir o que pertence a seu Filho e ser honrada por toda criatura como Mãe de Deus e serva de Deus. São Germânico de Constantinopla considerava a preservação da decadência do corpo da Mãe de Deus, a Virgem Maria, e sua elevação ao céu como sendo não apenas apropriada à sua maternidade.

Mas também à peculiar santidade de seu estado virginal: está escrito, que você aparece em beleza, e seu corpo virginal é totalmente sagrado, totalmente casto, totalmente a morada de Deus; do qual se segue que não está em sua natureza decair em pó, mas que se transforma, sendo humano, em uma vida gloriosa e incorruptível, o mesmo corpo, vivo e glorioso, ileso, compartilhando em vida perfeita.

Afirma outro autor muito antigo: sendo a mãe mais gloriosa de Cristo nosso salvador e nosso Deus, doador da vida e da imortalidade, ela recebe vida por ele e compartilha a incorruptibilidade corporal por toda a eternidade com aquele que a ressuscitou do túmulo e a atraiu até ele de uma forma que só ele pode compreender.

Tudo o que os santos pais dizem se refere em última instância à Escritura como um fundamento, que nos dá a imagem vívida da grande Mãe de Deus como estando intimamente ligada a seu Filho divino e sempre compartilhando sua sorte.

É importante lembrar que desde o segundo século em diante os santos pais têm falado da Virgem Maria como a nova Eva do novo Adão: não iguais a ele, é claro, mas estreitamente unidos a ele na batalha contra o inimigo, que terminou no triunfo sobre o pecado e a morte que haviam prometido até mesmo no Paraíso.

A gloriosa ressurreição de Cristo é essencial para esta vitória e seu prêmio final, mas a participação da Santíssima Virgem nessa luta também deve ter terminado na glorificação de seu corpo. Pois, como diz o Apóstolo: Quando esta natureza mortal se revestir de imortalidade, então se cumprirá a Escritura que diz: “a morte é engolida pela vitória”.

Então, a grande Mãe de Deus, tão misteriosamente unida a Jesus Cristo desde toda a eternidade pelo mesmo decreto de predestinação, imaculadamente concebida, uma virgem intacta através de sua maternidade divina, uma nobre associada de nosso Redentor como ele derrotou o pecado e suas consequências, recebeu, por assim dizer.

O privilégio final de ser preservado da corrupção da sepultura e, seguindo seu Filho em sua vitória sobre a morte, foi levado, de corpo e alma, à mais alta glória do céu, para brilhar como Rainha à direita daquele mesmo Filho, o imortal Rei de Idades.

INSPIRAÇÃO DO DIA – ORAÇÃO E ESTUDO BÍBLICO 🙏


Espero que tenham gostado da Oração e Estudo Bíblico de hoje!

🙏 Envie a palavra de Deus para pessoas queridas ❤️🙏

        Enviar para Alguém PARTICIPAR DO GRUPO